"Fugimos do abismo da vida, e fugimos da vida - embora tal seja uma autentica estupidez. Se fugimos da vida, caminhamos para o abismo; se fugimos do abismo, abraçamos o calor frio da vida. E talvez porque somos humanos, voltamos novamente a perder o comboio, e novamente, e novamente - e assim continuamos, e assim caímos, e assim caem connosco. Perdemos quem amamos, perdemos quem odiamos [ódio este que somente demonstra que tais pessoas fazem parte do nosso espelho de vida].
Perdemo-nos - oh, como o comboio já lá vai!" - J. A.

domingo, 15 de fevereiro de 2009

Dia 14 de Fevereiro

Este dia merece até um titulo só para si. Este dia, que já foi ontem, na verdade, é um dia que vale a pena, merece ser comemorado. É neste dia que celebramos a apologia do consumismo, a estupidez demonstrada em seguir como carneirinhos a ideia das grandes superfícies...Assim, aqui ficam os meus desejos de que tenham tido um bom Dia da Apologia da Estupidez Humana.

Dia catorze,
Irritante frustração,
Um dia para canhão,
Oh...
Irrito-me,
Irrito-me,
Irrito-me
E mil vezes me debruço sobre a mesa suja deste bar!
Mais uma vodka,
Clama o meu cérebro com rancor,
Ignorando o silencioso protesto do corpo...
Despejo outro copo
E despejo a emoção,
E nem álcool nem razão me dão calor...
Nesta noite fria sou apenas mais um local ermo,
Mero espigão de rocha
Na pradaria escura e ventosa...

1 comentário:

migalhamente disse...

WOW tenho de admitir que estou admirada com o teu blog! está muito interessante, e tens textos mesmo bons. a sério. cumps ^^